sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Fácil de calçar

Não posso ser considerado vaidoso: não me visto bem, não aparo a barba, não compro objetos decorativos pro meu quarto, não arrumo nem os amassados do meu carro.

Meu pai, por exemplo, sempre me diz para comprar camisetas novas e trocar meu tênis. Numa dessas, uma namorada minha me fez comprar dois pares de tênis, que perduram como meus únicos calçados até hoje. Eu até que gosto deles, eles são confortáveis e fáceis de calçar - coisas que valorizo num calçado!

Depende do que você dá valor. Tem gente que dá valor a sapatos bonitos, tem gente que gosta dos sapatos duráveis e tem outros, como eu, que gostam dos confortáveis.

Depende também do que os outros dão valor.

Para quem gosta de sapato bonito, os que gostam de sapatos duráveis são chatos, enquanto os que gostam de sapatos confortáveis são desleixados.

Para quem gosta de sapato durável, os que gostam de sapato bonito são fúteis e os que gostam de sapato confortável são preguiçosos.

Finalmente, para quem gosta de sapato confortável, como eu, quem gosta de sapato durável e quem gosta de sapato bonito está sempre com os pés doendo, o que é uma pena.

Alguns tentam ter sapatos bonitos, roupas bonitas, rostos bonitos, corpos bonitos, carros bonitos, casas bonitas, cachorros bonitos.

Tentam ser cultos, inteligentes, poderosos, famosos ou ricos.

Espertos, sedutores ou competentes.

Ou úteis.

Eu gosto de tênis confortáveis. Tenho dois deles: um azul e um marrom.

16 comentários:

Anônimo disse...

O conforto na simplicidade é o mais próximo daquela felicidade livre de apego.

rodrigo disse...

Vaidade é pecado mano!

rodrigo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nadine Ariadne disse...

Concordo contigo, compro um par de tênis por ano e somente por vaidade, mas sempre volto ao meu all star masculino, surrado e que não vê água a anos! Sinto que meu pé tomou a forma dele, de tanto que eu o uso. Sapatos bonitos são aqueles que tu usa uma vez morrendo... Foi meu caso ano passado, comprei um salto vermelho para minha formatura. Peguei o diploma descalça e morrendo de saudade do meu tênis velho e confortável!
Em um ponto discordo com você: Sapatos confortáveis geralmente são os mais duráveis. Quanto tempo desde que você tem seus dois sapatos? Meu all star já está beirando os 4 anos e está bem vivo! Parabéns, adorei teu texto. <3
@pokemonad pq sei lá

Su disse...

Os que não dão joanete são bons :)

referenciadareferencia disse...

Se contentar com a simplicidade é para poucos. Muitos vivem uma vida inteira correndo de bens materiais, achando que o segredo da felicidade se encontra no acúmulo de riquezas mundanas, mas acabam esquecendo de cultivar o que mais importa: a mente.

Anônimo disse...

que legal! vc voltou a escrever aqui :))

nó... eu estava ainda por concluir isso, mas não tem jeito, eu sou mesmo sua versão mulher. hahaha.

acredite, homens ainda podem ser assim, mulheres JAMAIS. e eu sou. e simplesmente não posso fazer NADA quanto a isso. eu não SEI fazer. nasci com um defeito, juro.

e não é por falta de exemplo pq minha mãe, minhas irmãs, minhas primas, minhas amigas, todas elas são vaidosas e femininas e sabem se vestir, calçar, maquiar e pentear divinamente. eu não sei nem por onde passa o processo.

tb tenho 2 pares de tênis (um deles que realmente, mas com muita tristeza, tive que concordar que não dá mais) e dois pares de sabrinas. eu só fui descobrir as sabrinas esse ano! tipo, eu sou uma mulher de 32 anos que só descobriu uma alternativa para os tênis ESSE ano!! e mesmo assim, pq é uma coisa que é só enfiar o pé e já era, tá pronto e confortável. isso pq moro fora ha algum tempo e aqui onde estou é ainda pior ser assim do que aí. ou talvez seja pq eu envelheci, independente do lugar e agora sinto vergonha, sei lá. fica parecendo que eu sou sei lá, pobre, mas nem é esse o caso... rsrsrs

a vida toda eu sempre namorei em casa, desde muito cedo. aproveitei demais as festinhas de família e na casa de amigos, mas nunca fui de sair pra 'balada'. no fundo, eu acho que um pouco disso era esse amor que eu sinto pelo conforto, pelo aconchego. uma festa sem um sofá PELO MENOS (!!) é uma tortura, não uma festa. heheheh. sentar no buteco pra beber... ah nem... primeiro eu TENHO que estar arrumada, ou seja, uma trabalheira do capeta (e eu nunca sei se ficou bom, pq sempre que tenho que me "arrumar" eu me sinto fantasiada), geralmente as cadeiras são duras, frias, a bunda fica dormente, ah neeemmmmm... boate, JAMAIS! pra mim, o inferno é aquilo ali. não nada como o conforto.

portanto, nada que não pareça um abraço tem muita chance de ficar em contato com meu corpitcho. graças a deus eu já sou casada e com uma pessoa que me ama assim. e o mais foda é que os homens que SÃO assim, e defendem esse seu bem estar, raramente aceitam ou querem mulheres que sejam assim também.

eu não sofri muito com isso (a não ser nos eventos formais, aí eu sofria muito, de chorar, descabelar e pedir pra nascer de novo, sem defeito), pq como disse, desde de muito cedo não tive interesse em participar do mundo que as pessoas frequentam para julgar e ser julgadas e se pam pegar alguém que passou no teste do olhômetro, mas mesmo assim é foda. e vai ficando mais foda à medida que vc fica mais velha... eu queria muito não ser assim. queria ter aprendido a ser do outro jeito sem apanhar para "montar" uma imagem. enfim.

tenho sorte demais na vida, pq não "preciso" de muita coisa que maioria das mulheres juram que não podem viver sem (ou então preciso e não tenho menor noção) podia ser pior. hehehe.

nossa, que comentário longo...

mas é isso aê. rsrsrs. vou levantar a bandeira "GOSTEM DAS MENINAS CONFORTÁVEIS TAMBÉM!" mas daqui, do meu sofá... heheh :))

abraço da anônima que gosta que vc exista.

Daniel Assumpçao disse...

Compro um calçado + ou - a cada 6 meses, p/ quem curte skate quando você começa a criar afeto ele acaba!rs
Sou obrigado a comprar um tênis q nem curto muito, p/ q eu não possa envolvê-lo no skate, se for "skatável" fudeu tem um fim breve!

leonardo disse...

so estou comentando para provar q eu não sou um robô. (eu não sou um robô)

Giovana Amorim disse...

Gostosa é a vida fácil de calçar.

RIKgameplay disse...

diego, não sei se verá isso aqui. mais se ver... tente fazer um vídeo zerando "Carmem San Diego" no video games e dinossauros *--*

vllw, abraço \o

Anônimo disse...

já eu gosto de fotos de pés femininos, de preferência descalços. Como gosto de pés femininos bonitos, prefiro as que usam sapatos confortáveis.

Anônimo disse...

acho que as pessoas não entenderam que não se trata de sapatos confortáveis '-'

Fernanda disse...

acho que coisas duráveis e confortáveis te dão uma sensação de segurança tipo se você ta na rua e der merda é melhor ta confortável e com um calçado que preste

Bruno Frota disse...

Lê meu Blog por favor Diego http://ecosisolados.blogspot.com.br/

Anônimo disse...

Olá Diego, por acaso vi no seu twitter que você tem interesse em desenvolver um aap para ajudas pessoas com depressão/distima/disturbios de humor. Ainda não me formei (fim do 5o ano de medicina) mas vou me especializar em psiquiatria e atualmente minha área de atuação eh quase que integral nessa área. Se de alguma forma eu puder ajudar. rafaelmarcos88@hotmai.com
Obrigado
Rafael